Mesa redonda 3 – Trabalho, crise e consequências à seguridade social e a saúde dos trabalhadores no capitalismo contemporâneo

0

Data: 7/9/2017

Horário: 10:30 – 12h

Mesa redonda 3 – Trabalho, crise e consequências à seguridade social e a saúde dos trabalhadores no capitalismo contemporâneo

Coordenadora

Ariane Larentis (Pós-Doutorado em Engenharia Química pelo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento  Leopoldo Américo Miguêz de Mello, CENPES, Doutorado em Engenharia Química pela UFRJ, Pesquisadora em Saúde Pública do Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana da Escola Nacional de Saúde Pública da Fundação Oswaldo Cruz)

Expositores:

Mara Takahashi – Pós-Doutorado em Saúde do Trabalhador e Saúde Ambiental pela Faculdade de Saúde Pública da USP, Doutorado em Saúde Coletiva pela UNICAMP, Socióloga do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador de Piracicaba-SP.

Sara Granemann – Pós-Doutorado em História Contemporânea no Instituto de História Contemporânea da Universidade Nova de Lisboa, Doutorado em Serviço Social pela UFRJ, Professora da Escola de Serviço Social da UFRJ.

Vitor Filgueiras – Pós-Doutorado em Economia pela Unicamp, Doutorado em Ciências Sociais pela UFBA, Auditor Fiscal do Ministério do Trabalho e Pesquisador Colaborador do Centro de Estudos Sindicais e de Economia do Trabalho da UNICAMP

Ementa:

A atual crise de longa duração e intensidade desencadeia uma série de transformações políticas, econômicas, produtivas com consequência à proteção social e a saúde dos trabalhadores. A mesa-redonda tem por objetivo colocar questões relativas aos impactos no trabalho, na seguridade social é na saúde dos trabalhadores decorrentes de mudanças em curso como a ampliação da terceirização, reforma trabalhista e da
previdência social, além de transformações nos processos produtivos e nas formas de organização do trabalho.

Powered by themekiller.com