Programação Gt 6

0
GT6 – Relações de gênero, raciais e geracionais no trabalho
Coordenação: Hildete Pereira de Melo (UFF), Bárbara Castro (Unicamp) e Cristiane Soares (IBGE)    

 

Sessão 1: Mapeando as desigualdades do mercado de trabalho brasileiro
Dia 7 de setembro de 2017
Das 14 às 17 horas
  1. Uma análise do mercado de trabalho formal das mulheres no setor agrícola no período 2006-2015, Caroline Santos (IBGE/UFRJ) e  Cristiane Soares (IBGE)
  1. A INSERÇÃO DA MULHER NO MERCADO DE TRABALHO BRASILEIRO E PARAENSE: AVANÇOS E VULNERABILIDADES EM PERÍODO RECENTE (2000/2014), Luciana Cristina Romeu Sousa (UFPA), José Raimundo Trindade (UFPA)
  1. DISCRIMINAÇÃO SALARIAL DE GÊNERO E COR NA REGIÃO SUDESTE DO BRASIL, Matheus Demambre Bacchi (UEL), Davi Winder Catelan (UEL) e Maylisson Rodrigo Fonseca (UEL)
  1. O MERCADO DE TRABALHO E OS EFEITOS DE SER MULHER, Thaine Silva Martins (UFMG) e Mariangela Furlan Antigo (UFMG)
  1. Trabalhadores de baixos salários: evolução das desigualdades de gênero nas Regiões Metropolitanas de Porto Alegre e de São Paulo, Raul Luís Assumpção Bastos (FEE) e Priscila Von Dietrich (UFRGS)

 

Sessão 2: Estado, direitos e crise
Dia 7 de setembro de 2017
Das 14 às 17 horas
  1. Impactos da reforma da previdência sobre a questão de gênero: Uma avaliação preliminar, Pedro Henrique Evangelista Duarte (UFU) e Sarah Cristina Ribeiro Ferreira (UFU)
  1. A REFORMA TRABALHISTA NA PERSPECTIVA DE GÊNERO: CRÍTICAS AO PLC 38/2017, Regina Stela Corrêa Vieira (USP)
  1. O PAPEL DO PODER JUDICIÁRIO NO RECONHECIMENTO DE DIREITOS AOS HOMOSSEXUAIS: UM ESTUDO DE CASO ENVOLVENDO ASSÉDIO MORAL NO LOCAL DE TRABALHO, Tatiana Sada Jordão Araujo (UFF)
  1. Apontamentos sobre a Convenção n. 156 e Recomendação n. 165 da Organização Internacional do Trabalho, Bárbara Ferrito (UFRJ)
  1. PROGRAMA EMPRESA CIDADÃ: OS IMPACTOS DO AUMENTO DA LICENÇA-MATERNIDADE SOBRE OS TRABALHADORES, Débora Chaves Meireles (UFJF), Ricardo da Silva Freguglia (USP) e Carlos Henrique Leite Corseuil (UCL)
  1. A CENTRALIDADE DO TRABALHO E O JOVEM “NEM-NEM”, Roseli Bregantin Barbosa (UFPR) e Maria Tarcisa Silva Bega (UFPR)

 

Sessão 3: Estado, mercado e família: os desafios do cuidado

Dia 8 de setembro de 2017
Das 14 às 17 horas
  1. O debate sobre a reprodução social no Brasil nos marcos da “crise do cuidado”, Fabiana Sanches Grecco (Unicamp)
  1. O cuidado de crianças pequenas entre mulheres, casas e instituições, Renata Moreno (USP)
  1. O Programa Empreendedor Individual e o trabalho das mulheres: As empreendedoras do Polo de Confecções do Agreste Pernambucano, Juliana Nunes Pereira (UFCG)
  1. DETERMINANTES DO TRABALHO PRODUTIVO FEMININO: NOVOS RISCOS EM ANTIGAS TENSÕES, Luana Passos de Souza (UFF)
  1. Desigualdades temporais e consubstancialidade das relações sociais: carreira, família e cuidado entre os cientistas sociais, Marina de Carvalho Cordeiro (UFRRJ)
  1. OCUPAÇÕES DIFERENTES, RESPONSABILIDADES IGUAIS, Danielle Fernanda Morais Pavan (IFG), Jaqueline Pereira de Oliveira Vilasboas (IFG) e Tatiele Pereira de Souza (UFG)

 

Sessão 4: Gênero, raça, sexualidade e as barreiras de entrada e de permanência no mercado de trabalho
Dia 8 de setembro de 2017
Das 14 às 17 horas
  1. O desafio da autoridade feminina: o caso das mulheres chefe, Bianca Briguglio (Unicamp)
  1. A FORMAÇÃO SUPERIOR MILITAR E A IGUALDADE DE GÊNERO: UMA HISTÓRIA DE CONQUISTAS, Hercules Guimarães Honorato (Escola Naval)
  1. Participação e rendimento feminino no grupo ocupacional profissionais das ciências e das artes, Luciana Portilho (Unicamp)
  1. Desigualdade racial e de gênero no Brasil: o trabalho em quadros superiores e de dirigentes, Neville Julio de Vilasboas e Santos (IFG) e Jordão Horta Nunes (UFG)
  1. Empreendedores negros no Brasil contemporâneo: visibilidade, cooperação e antirracismo, Jacques Mick (UFSC)
  1. AS MULTIPLICIDADES ENVOLVIDAS NA RELAÇÃO TRABALHO(S), GÊNERO(S), SEXUALIDADE(S) E IDENTIDADE(S), Julice Salvagni (UFRGS) e Renato Koch Colomby (UFGRS)
Sessão 5: Mudanças e permanências no trabalho doméstico contemporâneo
Dia 9 de setembro de 2017
Das 14 às 17 horas
  1. Gênero, raça e classe. Aportes teóricos para uma análise articulada, Daniele Motta (Unicamp) e Angela Araújo (Unicamp)
  1. EMPREGO DOMÉSTICO EM TEMPOS DE CRISE: IMPACTOS DA RECENTE PRECARIZAÇÃO DO MERCADO DE TRABALHO SOBRE A CATEGORIA DOMÉSTICA NO BRASIL, Juliane da Costa Furno (Unicamp), Cristina Pereira Vieceli (UFRGS) e Carlos Henrique Horn (UFRGS)
  1. MUCAMA PERMITIDA: A IDENTIDADE NEGRA DO TRABALHO DOMÉSTICO NO BRASIL, Tamis Porfírio Costa Crisóstomo Ramos Nogueira (UFRRJ)
  1. Estratégias de articulação entre trabalho produtivo e reprodutivo após a “PEC das Domésticas”: realinhamentos entre Estado, mercado e família, Alexandre Barbosa Fraga (UFRJ)
  1. Trabalho doméstico masculino e feminino: contrapontos a partir de uma dimensão de gênero, Maria Chalfin Coutinho (UFSC), Tielly Rosado Maders (UFSC), Camila Trindade (UFSC) e Liandra Savanhago (UFSC)

 

Sessão de Pôsteres (a definir)

TRABALHO E GÊNERO: ONDE ESTÃO AS TRABALHADORAS NA INDÚSTRIA AUTOMOBILÍSTICA?, Letícia Mendes Pereira Graduanda (UFRRJ) e Paula do Carmo N. da Silva Graduanda, Bolsista CNPq (UFRRJ)

Divisão sexual do trabalho e terceirização nos restaurantes universitários, Quezia Gurgel (Unicamp)

 

Powered by themekiller.com